Conheça o Parque Nacional de Pisac, no Vale Sagrado Inca.

 

Este parque é um sítio arqueológico que consiste em diversos agrupamentos, entre os quais podemos destacar construções antigas como aquedutos, plataformas, caminhos, muralhas de sistemas de canais de água, cemitérios e pontes. Este território contempla uma extensão de aproximadamente 4km quadrados.

Alguns dos principais atrativos da região são:

 

Grupo de Andenes de Acchapata

Localizado a apenas 200 metros da principal praça da cidade de Pisac, encontramos um magnífico conjunto de plataformas. Este grupo, de aproximadamente 40 exemplares, forma uma espécie de triângulo com o vértice para baixo.

 

Torres ou Pucaras

Ainda em Pisac, encontramos mais de 20 torres e torreões atalaia. Os primeiros recintos cônicos são associados com canais de irrigação construídos à partir de esculturas de peças individuais que depois de montadas, parecem com púlpitos entalhados na montanha. As corres de vigia possuem também uma tendência de forma cônica, sua textura é sólida e seu interior é revestido de massa compacta. Estas são belas elevações com superfície plana e destinadas à observação. O local considerado de maior importância local é Qoriwayrachina.

Bairro do Intiwatana

Trata-se do bairro central da cidade. Ele é sede de templos e palácios com uma grande qualidade arquitetônica. Local de muros altos, grandes recintos e que apesar de ruínas, é possível ainda imaginar a vida de seus habitantes. Aqui, encontramos tanto a presença de altares esculpidos em pedra vulcânica, quanto conglomerados de fontes litúrgicas, pátios e becos.

Bairro do Tianayuc

Em tradução livre, o nome deste bairro significa “que tem assento”. Isso é dado segundo a formação de um pátio inferior, com uma espécie de sofá com dois lugares que tem sua construção toda feita em pedra. Trata-se de um bairro de tamanho pequeno, com habitações cujas portas levam ao pátio central. Além disso, há ainda uma majestosa torre, parcialmente destruída, que se destaca na encosta do K’itamayu.

 

Bairro da K’allaQ’asa

Trata-se do maior bairro da cidade, construído no topo da montanha e que possui todos seus recintos inclinados na direção norte. Aqui, temos um aumento no nível de aposentos, torres, podemos visualizar encostas íngremes, um pequeno túnel de 3 metros e o bairro ainda possui ao seu lado, alguns desfiladeiros impressionantes.

Bairro de Pisaq’a

Fica sobre a ravina do Chongo, a 200 metros de distância do bairro Intiwatana em altitudes mais baixas. Este bairro foi construído reduzindo o nível do solo até chegar a uma planície. O plano deste bairro está obedecendo a forma semicircular da montanha, este conjunto é composto por 23 recintos construídos com uma ordem surpreendente.

 

Bairro de Qanchis Raqay

Este bairro tem muitas construções as casas são feitas de pedras médias e pequenas, o plano inclinado deve atingir a encosta onde está o riacho Chongo. O bairro inteiro está como sentinela, controlando o lado nordeste da cidade de Pisac.